quinta-feira, 12 de maio de 2011

Até quando?


Racismo no futebol mais uma vez. Até quando? Essa semana o jogador brasileiro Marcelo, lateral do Real Madrid, da Espanha, divulgou que foi vítima desse crime praticado pelo espanhol Sergio Busquets, meio-campista do Barcelona. Um absurdo que não pode ficar impune.
Segundo o brasileiro, que é negro, o outro o chamou de “mono”, que no português é o mesmo que “macaco”. O fato ocorreu durante uma partida entre as duas equipes no dia 27 de abril. Por enquanto, a Uefa (União das Federações Européias de Futebol) estuda um gancho de cinco partidas para o espanhol.
É dito que o artigo 11 do código disciplinar da entidade impõe que “qualquer um que insulte a dignidade humana de uma pessoa ou um grupo de pessoas (...) incluindo a cor, raça, religião ou etnia, deverá ser suspendido durante cinco partidas por um período específico”. E eu até acho uma punição muito branda.
Afinal, essa é, sem dúvida, uma das piores manifestações agressivas cometida entre seres humanos. A prática do racismo ou qualquer outra revelação preconceituosa, precisa ter um fim. “Deus, ó Deus, onde estás que não respondes?”, já clamava o poeta baiano.

Gilson Sousa

Foto: AFP

2 comentários:

  1. ANIELE NASCIMENTO14 de maio de 2011 02:31

    ACONTECE MUITO CASO DE RACISMO E PRECONCEITO SEM SOLUÇÃO, JÁ ESTA VIRANDO MODA, NÓS PRECISAMOS DA UM BASTA. POIS O PRECONCEITO, POR PARTE DOS EUROPEUS, JÁ COMEÇAM NO DESEMBARQUE DE BRASILEIROS NA EUROPA, ELES JÁ TRATAM COM DESRESPEITO, COM SUPERIORIDADE. SÓ QUE ENQUANTO ELES AGEM DESSA FORMA, NÓS BRASILEIROS AGIMOS DE FORMA TALENTOSA. RS,RS,RS,RS,RS,RS.BJÃO.SAUDADES.ELINHA.

    ResponderExcluir
  2. Sou radicalmente contra esse tipo de prática. É um absurdo tratar pessoas desse jeito. Na realidade, racismo vira xingamento na boca desses medíocres. O valor do ser humano não está na cor da pele e sim nas atitudes da cada um. Um exemplo disso, são as grandes personalidades negras que existem no Brasil tendo uma parcela de grande contribuição para nossa cultura, seja no teatro, literatura, televisão, jornal, etc, etc. Você é um exemplo disso.

    Isaac

    ResponderExcluir